quinta-feira, 24 de setembro de 2015

Mas a que é que tens direito?

A melancolia não é um dever.
Tem gente que tem, tem gente que não.
Nos expressamos como dá, sem perceber, até, às vezes.
Tem dia que vem, tem dia que não.
Não necessariamente ela te afeta.
Tem gente que sabe lidar, tem gente que não.
Dizem ser mal da alma.
Tem alma que convive bem, tem alma que não.
Mas a que é que ela tem direito?
Se nem sempre presente, nem sempre perceptível.
Não tem direito, não.
Mas tá lá.
Melancolia Massacra a Mente.
Acomete branco negro rico pobre criança e adulto.
Tem gente que nasce com ela, tem gente que adquire.
Sem saber, até.
Tá lá.
Tá cá.
Saber lidar.
(não) saber lidar.
O sofrimento é opcional. Não.
O sofrimento não é opcional.
Tá lá e cá.
Tá.

2 comentários:

  1. Excelente seu texto. Sempre quis escrever bem assim, mas nunca sai nada bom. Me identifiquei com seu blog por causa dela mesmo, a melancolia. Ainda me lembrei do filme "Melancholia", de 2011, do Lars von Trier. Já aviso que não é um filme pra todo mundo, hehehe.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O blog está realmente repleto de melancolia rs mas, obrigada, fico feliz que tenha gostado do texto! Quanto ao filme, estou baixando pra conferir (já na certeza de que, por ser do Lars von Trier, é no mínimo profundo).

      Excluir